Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]


New Blood -Capitulo 13

por Silver Sky, em 29.11.15

 

Capitulo 13

Kyle encontrava-se do outra lado da rua, a olhar para sua antiga casa. A casa onde crescera e vivera com os seus pais. Na sua cabeça passavam imagens da sua antiga vida. Os momentos felizes que passara com os seus pais e até as discussões com eles, que naquele momento pareciam ridículas. Mas tudo tinha mudado. Agora ele era um vampiro e nunca mais poderia voltar para casa. Porque os seus pais pensavam que ele estava morto e tinham que continuar a pensar assim.

De repente Jessy aparece ao lado dele.

-No que estas a pensar? – perguntar a rapariga, olhando para ele.

-Ser vampiro pode ter as suas vantagens. És imortal, és forte e veloz, mas para teres isso tudo tens que desistir da tua vida de humano. É como se desistisses da tua humanidade. – responde Kyle, olhando para o namorado.

-Lembras-te de me dizeres quando a dor da saudade ficar insuportável para te avisar e que iriamos para um sitio longe daqui? – pergunta Jessy.

Kyle assenta com cabeça.

-Então eu pergunto-te: a tua dor da saudade ficou insuportável?

-Sim, ficou. – responde o jovem.

-Então, vamos sair daqui, Kyle. – diz Jessy.

-Para onde?

-Para um sitio qualquer. – responde  Jessy com um sorriso.

-Sim, vamos. Vamos embora. – diz Kyle sorrindo também.

-Vamos. – diz Jessy voltando a sorrir.

A seguir Kyle abraça Jessy e beija-a carinhosamente no topo da cabeça.

 

Steven encontrava-se na parte fora do hospital a beber o seu café, enquanto olhava para o movimento da rua. Distraindo-se um pouco dos seus pensamentos que voltavam sempre a mesma questão: contar ou não contar a Megan sobre eles?

De repente Megan aparece.

-O que estas fazer aqui fora, querido? - pergunta a médica aproximando-se do namorado e tocando-lhe no braço.

-A fazer uma pausa. - responde Steven, olhando para ela.

-Ainda preocupado com Kyle? - pergunta Megan.

-Não, Cedric já resolveu o problema.

-Então porque ainda tens ai uma ruga de preocupação na tua testa. – observa Megan, olhando para Steven.

-Que ruga? – pergunta o médico atrapalhado passando a mão pela testa.

-Eu conheço-te Steven Harker. Passa-se alguma coisa. – diz Megan olhando seriamente para o namorado.

Steven olha para ela e a vontade dele era contar-lhe tudo. Mas não podia porque no minuto que conta-se a verdade, Megan iria embora. Deixava-o e Steven não estava preparado para perde-la.

-Apenas muito trabalho. Tenho minha agenda cheia. Muitos doentes. – responde Steven, sentindo um desconforto no coração. Ele detestava mentir para Megan.

-Eu sei o que é isso. Eu também ultimamente tenho tido muito trabalho. – diz Megan. – E que tal fizéssemos uma pausa no trabalho e tirássemos umas ferias?

-Caraíbas? – pergunta Steven um pouco surpreendido pela proposta de Megan.

-Porque não. Nós sempre quisemos ir lá e nunca tivemos oportunidade para tal. – diz Megan sorrindo depois.

-Então fica combinado. – diz Steven com um sorriso.

-Sim. – Megan sorri e vê-se rapidamente envolvida nos braços de Steven num abraço apertado.

 

A porta abre-se e Natalie, Mia e Mason entram disparados em casa, apanhando Tessa e Alex de surpresa.

-Surpreendidos por nos verem? – pergunta Natalie com um sorriso trocista. – Vocês esqueceram um pequenino pormenor. Aqui a Mia é metade bruxa. – diz a morena apontando para a melhor amiga com um tom de sarcasmo. – Agora eu vou cumprir aquilo que cumpri. Vou-te matar a ti, sua cabra e a ti também, seu cão mandado. – diz Natalie lançando um olhar ameaçador e malicioso a Tessa e Alex.

-Espera. – diz Mason colocando-se a frente de Natalie.

-O que estas a fazer Mason? Sai da frente para eu matar estes bastardos. – diz Natalie furiosa.

-Deixa-me resolver isto. – pede Mason.

Natalie olha para Mia que assenta com a cabeça.

-Esta bem. – responde por fim Natalie.

Mason vira-se depois para encarar Tessa e Alex.

-Vocês tem duas opções: tu dás-me o poder de alfa e Natalie não vos mata. – Mason ao proferir essas palavras, faz Natalie revirar os olhos. – ou tu não me dás o poder e Natalie mata-vos.

-Eu sou alfa por direito. Tu sabes disso! – diz rapidamente Tessa furiosa.

-Infelizmente não tens outra escolha. – diz simplesmente, mantendo uma voz séria e uma atitude severa.

-Pare isso acontecer vais ter que passar primeiro por mim! – grita Alex, transformando-se e atacando Mason, projetando contra a parede.

Mason furioso levanta-se. Os seus olhos ficam amarelos e os seus caninos enormes aparecem, como as suas grandes garras.

-Se é isso que queres! – Mason ripostei, soqueando Alex no rosto e fazendo este cair sobre a mesa, partindo em mil pedaços.

Alex coloca-se de pé num salto. Os seus olhos amarelos transbordavam raiva. Ele rapidamente investe noutro ataque, golpeando Mason no peito com as suas garras.

Mason rosna furioso e salta sobre Alex, mordendo no ombro. Alex no chão rosna de agonia. Mason sobre ele, começa a esmagar a garganta do amigo com as suas duas mãos. Alex volta ao seu estado normal e começa a ter dificuldades em respirar, perdendo quase os seus sentidos.

-PÁRA! – grita Tessa com todas as sua forças.

Mason larga o pescoço de Alex e volta ao normal, levanta-se e fica fixamente a olhar para as suas mãos cobertas de sangue. Parecia que o grito de Tessa tinha feito ele ganhar novamente consciência.

Tessa corre para junto de Alex, abraçando-o.

-Estas bem, querido? – pergunta a rapariga preocupada.

Alex limita-se a assentar com a cabeça, enquanto Mason olha para Mia e Natalie que permaneciam quietas no seu canto. A seguir Tessa vira-se para Mason.

-Tu queres o poder de alfa? – diz Tessa com um ar sério e cheio de raiva. – Pois bem, eu vou dar-to. Mas fica a saber , Mason, tu não és digno dele. Porque tu és fraco. – diz a rapariga com uma voz cheia de repugnância.

Os olhos de Tessa ficam amarelos e as suas garras aparecem.

-Estica o teu braço. – pede Tessa quase ordenado.

Mason faz o que ela pede e estica o braço. Num movimento rápido, Tessa crava as suas garras no antebraço de Mason e no momento que o faz, Mason ruge e os seus olhos ficam amarelos.

Tessa larga-o e a cor dos seus olhos volta ao normal, como as suas garras desaparecem.

-Ai tens. És um alfa, Mason. Mas Los Angeles é a minha casa e eu não vou lado nenhum. – diz depois Tessa, confiante, quase como uma ameaça.

espero que gostem do capitulo :) Jessy e Kyle parece que se vão embora :/ e Megan e Steven vão pelo memso caminho. E o que acharam de Mason? Da luta entre ele e Alex?

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:55


1 comentário

Imagem de perfil

De twilight_pr a 29.11.2015 às 19:03

Oh god que emoção! ADOREI!

Comentar post