Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]


New Blood -Capitulo 9

por Silver Sky, em 14.11.15

 

Capitulo 9

Natalie fica quieta em silêncio, a ver a sua amiga afastar-se. Cedric aproxima-se dela. Sabia que Mia tinha passado dos limites com aquelas palavras. Mas também Cedric sabia que não eram verdadeiras. Mia adorava e idolatrava Natalie. A morena sempre fora uma mentora para Mia.

-Tu sabes que ela te adora, não sabes. Ela disse aquelas palavras de boca para fora, Nat.

-Ela tem razão, Cedric. – responde a morena olhando para o rapaz. – Eu não resolvo as coisas, eu só as pioro.

-Não é bem assim, Natalie. Tu ajudas-te Arabella e nem sequer gostavas dela. – diz Cedric esboçando um sorriso.

-Uma entre um milhão. Já esqueces-te dos namorados de Mia que eu ameacei e matei. – responde Natalie, com sentimento de culpa.

-Bem, foi mau o que fizeste com esses rapazes. Mas a verdade é que só estavas a tentar protege-la e Mia sabe disso. – diz Cedric, tentando confortar Natalie.

De repente Cedric recebe uma mensagem, seguida de outra. Eram de Jessy e Steven.

-Oh não! – diz Cedric com um ar preocupado.

-O que foi? – pergunta Natalie confusa, olhando para o namorado.

- A mãe de Kyle viu-o no hospital. – responde Cedric, olhando para a morena.

-Cedric, isso é grave. – diz Natalie preocupada. – Tu precisas ir imediatamente para Nova Iorque tratar disso.

-Sim, mas…

-Tu és o mentor dele, Cedric. E Kyle precisa de ti. Eu resolvo as coisas aqui com Mia. – diz Natalie.

-É por isso que te amo. – diz Cedric, beijando Natalie. – Viajo hoje para Nova Iorque.

 

Mia estava na cozinha a preparar um café, enquanto Mason se encontrava sentado numa cadeira a olhar para ela.

-Tu sabes que foste um pouco dura com a Natalie, não sabes? – fala finalmente Mason, depois uns minutos em silêncio.

-Talvez. – responde Mia, virando-se para olhar para Mason.

-Ela só queria ajudar, Mia. – diz Mason, tentando fazer com que Mia visse as verdadeiras intenções de Natalie.

-Esse é o problema de Natalie. Quere sempre ajudar, mas faz sempre por trás das costas das pessoas, não pensando nas consequências que isso pode ter. – diz Mia com uma voz séria e uma expressão firme.

Entretanto Cedric entra na cozinha com uma mala.

-Vais para onde? – pergunta Mason confuso. Como Mia estava.

-Nova Iorque. Kyle precisa de mim. A mãe dele viu-o no hospital. – responde Cedric com um ar sério.

-Isso é grave. – diz Mia com um ar preocupado. – O que podemos fazer?

-Nada. Vocês já têm problemas suficientes para resolver. – responde Cedric. – E já agora, desculpa Mason por irmos falar com Tessa. Só queríamos ajudar. – diz o moreno com um ar arrependido.

-Eu sei disso, Cedric. E não há problema. Eu vou falar com ela e por um fim neste conflito ridículo. – responde Mason.

A seguir Cedric vira-se para Mia.

-E tu, resolve as coisas com Natalie. Tu sabes que ela não fez por mal. – diz Cedric.

A seguir o moreno despede-se dos amigos com um abraço e vai-se embora.

 

Tessa e Alex preparavam-se para arrumar o bar. Lavar copos, varrer o chão e contar os lucros que tinham feito esta noite. Quinn’s bar foi um projeto que os dois decidiram fazer depois de se casarem. Queriam começar algo juntos como uma família.

-A conversa com aqueles dois vampiros foi intensa. – diz Alex, enquanto colocava as cadeiras em cima da mesa.

-Sim, realmente foi. – concorda Tessa, ao mesmo contava o dinheiro sentada a frente do balcão.

-Eu estava a ver que lhe arrancavas a cabeça. – diz a seguir Alex com um sorriso.

-Vontade não me faltou. – responde Tessa, olhando para Alex. - Ela era simplesmente irritante.

Alex coloca a última cadeira em cima de uma mesa e vai ter com Tessa.

-Achas que foi Mason que mandou os seus amiguinhos virem falar connosco?

-Não surpreendia nada. – diz Tessa. – Ele é um covarde.

Alex, agarra numa cadeira e senta-se.

-Estas mesmo disposta a começar uma guerra com Mason? – pergunta Alex com um ar mais sério.

-Mesmo que me custe. Sim. Mas foi ele que começou esta guerra quando nos traiu ao casar-se com aquela vampira. – responde Tessa, também com uma expressão séria.

- Bem. Ele pode ser um de nós mas se tu vais a guerra eu vou contigo a guerra.

Tessa aproxima-se de Alex e beija-o carinhosamente.

-Eu amo-te. – diz depois Tessa, sorrindo.

-Eu também te amo. – responde Alex também com um sorriso beijando de volta Tessa.

O que estão achar da história? Bem as coisas estão a aquecer :)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:03


1 comentário

Imagem de perfil

De twilight_pr a 14.11.2015 às 14:51

Com este final até fiquei com um bichinho aqui por querer ler mais :DDD
Mal posso esperar, porque socorro!
A Natalie, eu gosto imenso dela e espero que as coisas se resolvam rapidamente.

Beijinhos e já publiquei o capítulo 9 :)

Comentar post