Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]


This is (not) Love... DEZASSEIS

por Silver Sky, em 27.05.16

isto não é amor.jpg

 

cliquem na música e boa leitura :)

 

DEZASSEIS

Theo encontrava-se num quarto do hospital, deitado numa maca ainda inconsciente.

Constance estava de pé ao lado do irmão, tentava não chorar mas não conseguia. O desespero era grande. Agarra numa das mãos do irmão e aperta com força.

-Por favor, Theo. Acorda. Acorda. Já tenho saudades tuas de me chateares a cabeça. – diz Constance muito triste olhando para o irmão. – Se não acordares quem vai implicar comigo. – lágrimas começaram a escorrer pelo rosto dela.

Entretanto Jay aparece no quarto do hospital e aproxima-se de Constance. Coloca a sua mão sobre o ombro dela, mostrando a sua compaixão.

-Constance…

Ela vira-se para trás e lavada em lágrimas abraça Jay.

-Ele vai ficar bem. – fala Jay envolvendo o corpo de Constance com os seus braços, e tentando consola-la da melhor forma que conseguia.

Constance olha finalmente para ele.

-E se chegamos tarde demais? – pergunta ela a soluçar.

-Não chegamos, Constance. – responde Jay, olhando para ela.

Ver Constance daquela forma, magoada e vulnerável pelo estado critico do irmão, deixava Jay triste. Ele queria no fundo do seu coração que Theo acorda-se. Que tudo volta-se como era dantes. Com Constance a resmungar com ele, a rir-se secretamente das piadas dele. Do Theo e da Beverly a implicarem com eles os dois.

De repente Gwen e Dawn entram no quarto.

-Mãe!

Constance liberta-se dos braços de Jay e abraça Gwen com todas as forças. Depois de se libertar do abraço da filha, Gwen aproxima-se de Theo. Agarra na mão do seu filho e começa a chorar.

-Constance, por favor diz-me qual é o estado do meu menino. – pede Gwen, olhando para a filha.

- Ele chegou ao hospital num mau estado. Os médicos colocaram Theo em coma induzido, para recuperar mais rápido, mas não sabem quando é que ele pode acordar. Pode demorar dias, semana, meses… - responde Constance com a voz quase a falhar, olhando para o seu irmãozinho.

Dawn aproxima-se depois de Jay.

-Como está a Beverly? – pergunta Dawn ao filho com expressão preocupada no rosto.

-Ela está bem. Está no quarto ao lado. – responde Jay.

 

Beverly encontrava-se deitada na maca aborrecida a ler uma revista que Jay lhe tinha trazido à pouco. De repente batem a porta.

-Sim, pode entrar. – diz Beverly endireitando-se na maca e fechando rapidamente a revista.

A porta do quarto abre-se e Dawn entra.

-Pai! – exclama Beverly contente por vê-lo.

-Como está a minha menina? – pergunta Dawn com um sorriso, aproximando-se de Beverly e beijando-lhe carinhosamente a testa.

-Bem. Mas como está o Theo? Ele já acordou?

-Ele ainda está inconsciente. Mas está bem, querida.

-Eu queria vê-lo, pai. – fala a seguir Beverly com um olhar triste.

-Depois, Beverly. Agora tu precisas de descansar. – responde Dawn com um ar sério e preocupado.- Mas queres alguma coisa? Comida? Algo para beber?

-Um chocolate caia agora bem. – responde Beverly. – Já estou farta dos pudins do hospital. – faz uma careta de desagrado.

-Está bem. Eu vou buscar um chocolate. – responde Dawn.

Despede-se da filha novamente com um beijo na testa.

-Volto já. – Dawn sai do quarto.

Beverly encosta-se para trás, bufando de frustração. Ela precisava de ver Theo.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:25


3 comentários

Imagem de perfil

De twilight_pr a 27.05.2016 às 16:59

Socorro, eu só espero que ele fique bem, juro!

Gostei imenso!!! :DDD
Imagem de perfil

De Silver Sky a 27.05.2016 às 17:42

Obrigada :)..sim. Coitado do Theo :\
Imagem de perfil

De JustAnOrdinaryGirl a 28.05.2016 às 14:52

Já tinha alguns capítulos em atraso mas agora já li tudo.
Espero que o Theo acorde e que fique tudo bem com ele. Ainda bem que o Jay e a Constance os encontraram e os levaram para o hospital.
Adoro a maneira como eles se dão uns com os outros, e adoro a relação que o Jay e a Constance estão a criar. eles lá no fundo sabem que gostam um do outro :)

Mal posso esperar para ler mais!!

Comentar post